Curso on-line: Igrejas, autoritarismos e violência de estado no Brasil

Nesta terça-feira, 13/04, às 20h, terá início o curso Igrejas, Autoritarismos e Violência de Estado no Brasil.

– Que fatores e agentes internos e externos influenciaram o golpe de 1964 e a construção de um regime militar autoritário baseado na Doutrina de Segurança Nacional?

– Em um contexto de negacionismo, de que forma podemos resgatar as memórias de nosso passado autoritário como estratégia para afirmar uma sociedade democrática e lutar por menos violência institucional? A quem interessa negar o passado ditatorial?

– Como as igrejas nos países do Cone Sul e no Brasil se posicionaram diante do Golpe e da Ditadura?

– Quais têm sido, desde então, as relações entre religião, autoritarismo e violência no Brasil?

– Que questões permanecem no ativismo das igrejas e grupos religiosos frente à violência de Estado no Brasil contemporâneo?

– Curso gratuito (não precisa inscrição)
– 5 Aulas Ao Vivo
– Transmissão simultânea pelas redes sociais das organizações parceiras

Obs: não haverá transmissão pelas redes do ISER

Datas: 13, 20 e 27 de abril, 4 e 11 de maio – Sempre às terças
Horário: 20h às 22h

Aula 1 – 13 de abril – O golpe de 64 no contexto da Guerra Fria
Prof. Dr. Marcos Napolitano (Depto. História da USP)

Aula 2 – 20 de abril – Direito à Verdade: Memória, esquecimento, denegação
Profa. Dra. Marion Brepohl (Depto. História da UFPR/DIHPOM)

Aula 3 – 27 de abril – Igrejas e autoritarismos no Cone Sul (Uruguai, Argentina e Chile)
Nicolas Iglesias Schneider (Fe en la Resistencia), Pra. Ines Simeoni (Igreja Metodista do Uruguai), Leonardo Felix (Diretor ALC Notícias, Argentina), Matias Maldonado (Universidad do Chile)

Aula 4 – 4 de maio – Igrejas e Ditadura Militar no Brasil
Profa. Dra. Magali Cunha (Coletivo Memória e Utopia)

Aula 5 – 11 de maio – Fé e Ativismos frente à violência de Estado ontem e hoje
Aula-painel organizado pelo ISER e Instituto Vladimir Herzog

Todas as aulas serão transmitidas ao vivo pelos canais (Facebook e YouTube) das organizações, redes e coletivos que organizam o curso: Plataforma Intersecções, Coletivo Memória e Utopia, Conselho Nacional de Igrejas Cristãs, Fe en la Resistencia, Frente Evangélica pelo Estado de Direito, Koinonia Presença Ecumênica e Serviço, Paz e Esperança Brasil, Rede FALE e Rede Cristã de Advocacia Popular.

Marque na sua agenda e participe!

Publicado em: 12/04/2021 - #ISER apoia #ISER divulga #ISER realiza