Religião e política

Um estudo sobre a atuação de lideranças evangélicas no cenário político nacional

Pesquisa realizada em parceria com a Fundação Heinrich Böll Brasil com o objetivo de analisar a importância dos atores religiosos no cenário político nacional a partir das estratégias articuladas por lideranças evangélicas, ligadas, ou não, à vida político-partidária no Brasil.

Para a realização do estudo, foram escolhidos dois recentes episódios de repercussão nacional: O tratamento do aborto na campanha presidencial de 2010 e o caso do “Kit anti-homofobia” ou “Kit Gay”,  o material educativo que fazia parte do Programa Escola Sem Homofobia, criado pelo Ministério da Educação e destinado ao combate à homofobia nas escolas públicas.

Em 2013 os pesquisadores do projeto lançaram a  publicação “Religião e Política: uma análise da atuação de parlamentares evangélicos sobre mulheres e de LGBTs no Brasil”, reunindo uma ampla análise realizada a partir dos dados levantados pela pesquisa. O livro pretende ser uma importante ferramenta de apoio para futuras pesquisas nesse campo, oferecendo uma visão da presença dos evangélicos no Brasil, da heterogeneidade desses atores e de seus posicionamentos políticos a partir de mecanismos de Estado, como a atuação parlamentar.

Responsáveis: Christina Vital e  Paulo Victor L. Lopes
Apoiadores: Fundação Heinrich Böll Brasil

Fotos  |   Vídeo   |   Livro