Jogos pedagógicos

Consiste na elaboração de uma ferramenta educacional virtual que busca estimular o potencial do jogador de analisar situações e lidar com problemas. É destinado aos policiais civis e militares brasileiros. O objetivo é o de incentivar o policial-jogador a refletir sobre sua prática e diagnosticar o problema antes de uma tomada de decisão sensorial e reativa. Para tanto, são realizadas reuniões de criação, reuniões da equipe de tecnologia, consultorias externas, grupos focais para testes da plataforma e chats na internet com público do país inteiro.

Responsáveis: Marco Aurélio Martins

Apoiadores: Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH-PR)